Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mitologia em Português

Mitologia em Português

25 de Agosto, 2020

Porque são as vacas sagradas para os Indianos?

O facto de as vacas serem sagradas entre os Indianos é uma daquelas ideias que não suscitam quaisquer dúvidas, porque toda a gente parece saber isso. No entanto, o que poucos parecem saber, na nossa cultura ocidental, é o porquê das vacas serem consideradas como sagradas na cultura indiana. Podemos explicá-lo hoje.

Uma vaca na Índia

De uma forma simplificada, na Índia a vaca é vista como um animal sagrado em virtude do facto de se considerar que ela nos dá muito mais a nós do que nós lhe damos a ela em troca. Nesse contexto, magoar - ou até comer - uma vaca parece representar algo de completamente absurdo, porque seria o mesmo que ter em casa uma proverbial "galinha dos ovos de ouro" e, em detrimento de cuidar bem dela, comê-la ou tratá-la mal. Tenha-se em conta que as vacas não são veneradas na Índia como se de deusas se tratassem, essa é uma ideia incorrecta, são é muito respeitadas por esses seus dons que fornecem a toda a humanidade, e que são muito frequentemente reaproveitados na cultura indiana. Esta ideia é até particularmente clara numa obra de histórias indianas chamada Baital Pachisi, i.e. Vinte Cinco [Histórias] de Baital. Numa dessas tais 25 histórias (quase sempre amorosas) contidas na obra, um rajá, um monarca local, deixa de respeitar os deuses e é-lhe então dito o seguinte:

(...) [Os deuses] desceram à terra de várias formas; mas uma vaca é superior a todos eles, pois não sente raiva, nem inimizade; não fica bêbada; não sente fúria, avareza ou afecto excessivo; dá protecção a todos; e tanto ela como os seus filhos reagem de forma bondosa para com todos os animais da terra; e, por isso, tanto os deuses como os sábios vêem a vaca como digna de respeito.

 

Respondendo então, de uma forma muito sucinta, à pergunta que dá título a esta publicação, as vacas são sagradas na Índia essencialmente porque são vistas nelas um conjunto de características que seriam prolíficas a todos os seres humanos, não só pela sua mansidão mas também porque nos dão - mesmo na cultura ocidental - um conjunto de produtos sem os quais a vida humana dificilmente seria a mesma. Brincando até um pouco com a questão, sem a ajuda preciosa das vacas de onde viria o nosso queijo, ou o leite para os flocos do nosso pequeno almoço? Nunca pensaram nisso?

~~~~~~~
Gostas de temas como este? Podes seguir-nos no Twitter, no Facebook (novo), ou receber as nossas novidades no teu e-mail de uma forma simples, rápida e gratuita!


25 de Agosto, 2020

A origem dos nomes do Brasil

Sobre a origem dos nomes do Brasil, já cá contámos anteriormente como o país foi, inicialmente, chamado pelos Portugueses Terra de Vera (ou Santa) Cruz. Porém, ao mesmo tempo isso poderá também suscitar duas questões adicionais - qual era o nome desse país antes dos Portugueses lá chegarem? E, posteriormente, porque foi o seu nome alterado para aquele que ainda tem nos dias de hoje, o de Brasil?

 

Em relação à primeira questão, segundo fomos lendo o nome nativo para a terra que hoje é o Brasil era Pindorama, que se acredita ter significado algo como "terra das palmeiras". Mas, se isto facilmente resolveria a questão, o grande problema é que, aparentemente, ninguém sabe muito bem de onde vem essa informação. Mesmo hoje, com tanta tecnologia à nossa disposição, é relativamente fácil encontrar este pedaço de informação individual, mas nunca parece ser dito quem verdadeiramente o relatou, ou até como esse dado chegou aos nossos dias de hoje. Sim, ainda existe um local chamado Pindorama no Brasil, um município no estado de São Paulo, e rapidamente somos informados que esse era o nome tupi para as terras brasileiras, mas... desconhecemos as vias pelas quais essa informação chegou até aos nossos dias. Oops!

A antiga Ilha do Brasil

Agora, em relação ao segundo ponto, porque razão foi o nome dessa nova terra alterado para Brasil? Existia, já no século XIV, uma ilha lendária com um nome muito parecido com este, que se pensava estar colocada algures a oeste da Irlanda, como a imagem acima mostra. Ela nunca foi verdadeiramente encontrada, até porque estava supostamente repleta de elementos mágicos e lendários, mas é possível que o seu nome possa, de alguma forma até inconsciente, ter influenciado os navegadores portugueses.

A essa possibilidade podemos ainda acrescentar o facto desta palavra na altura já existir em Português - era usada para designar uma planta que dava madeira vermelha, como as que existiam bastante na terra recém-encontrada, ficando elas conheciadas como o pau-brasil, ou seja, o pau avermelhado, que posteriormente poderia vir a ser o pau vindo desse país, que lhe foi tomando o nome.

Qual destas duas hipóteses é a correcta, para a associação do nome ao território brasileiro? Não podemos ter uma certeza absoluta, mas é certamente provável que estes dois factores - entre outros entretanto esquecidos - tenham de alguma forma contribuído para a origem do mais famoso de todos os nomes do Brasil.

~~~~~~~
Gostas de temas como este? Podes seguir-nos no Twitter, no Facebook (novo), ou receber as nossas novidades no teu e-mail de uma forma simples, rápida e gratuita!