Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mitologia em Português

Fenghuang, a Fénix Chinesa, tem nas obras de Mitologia um papel parcialmente enganador, porque as referências a ela induzem um pouco o leitor ocidental em erro. Na verdade, há alguns dias, enquanto líamos um dado texto chinês, deparámo-nos com esse problema - o texto, lido em tradução inglesa, mencionava uma "fénix". Estranhámos a referência, porque isto poderia levar a uma (falsa) ideia de que diversas culturas por todo o mundo acreditavam numa mesma criatura com características análogas à da nossa Fénix. Mas, na verdade, o que o texto mencionava em chinês era uma criatura que hoje é conhecida como Fenghuang, e que pelas razões que mostraremos abaixo tende a ser traduzida entre os ocidentais como "fénix".

Fenghuang?!

Deixe-se muito claro que Fenghuang é uma criatura significativamente diferente da fénix ocidental. O seu nome nasceu da junção de uma espécie em que o elemento masculino era chamado Feng e o feminino Huang - juntando-se ambos num só corpo, assim nasceu Fenghuang, Rainha dos Pássaros e símbolo do ponto cardeal sul. Este animal, também conhecido em Japonês como Ho-ho, é um dos quatro animais sagrados chineses e um símbolo da imperatriz (por analogia ao dragão Yinglong, símbolo do imperador), com cada uma das suas cores a ter uma simbologia muito específica.

 

Mas então, porque é o nome deste pássaro normalmente traduzido como "fénix"? Não tem qualquer relação simbólica com o fogo ou ressurreição, mas essa convenção poderá ter vindo do facto de só existir uma Fenghuang, tal como a Mitologia da Antiguidade nos diziam que só existia uma única fénix - ou seja, eram ambas criaturas únicas e do sexo feminino. No entanto, a relação entre estes dois pássaros parece terminar precisamente nessa coincidência, sendo esta portanto uma tradução muito imprecisa...

Gostas de mitos, lendas, livros pouco conhecidos e curiosidades? Podes receber as nossas publicações futuras por e-mail!