Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mitologia em Português

19 de Setembro, 2018

A lenda de Machim e Ana D'Arfet

A lenda de Machim e Ana D'arfet é uma de aquelas que tenta explicar a origem do nome de um local, neste caso Machico, um dos municípios da Madeira. Em si próprio, este nome poderá parecer-nos estranho, e daí terá nascido uma potencial necessidade de o explicar.

A lenda de Machim e Ana D'arfet

Assim, esta lenda conta-nos que em meados do século XIV viveu em Inglaterra um tal Roberto Machim, que se apaixonou por uma Ana D'Arfet. Não sabemos até que ponto se terão tratado de personagens históricas, mas a sua história diz que a família da jovem não permitiu qualquer união entre os dois amados, em vez disso escolhendo um outro noivo para Ana. Incapazes de aceitar esse triste destino, decidiram fugir de Inglaterra para França, mas o barco foi apanhado numa enorme tempestade e levado (muito) para fora do rumo que pretendiam seguir.

Na manhã seguinte, depois de muitas horas de medo e de viagem, chegaram ao areal de um local desconhecido. Não encontraram ninguém por lá, e Ana adoeceu. Veio a falecer, algum tempo depois, e então Machim escreveu toda esta história numa cruz de madeira, que os Portugueses viriam a encontrar alguns anos mais tarde, dando à região o nome de Machico em homenagem ao seu antigo habitante.

Outra versão adiciona um passo extra a esta história - ambos os amantes morreram, mas um dos seus companheiros no barco foi posteriormente raptado por Mouros. Após muitas tribulações chegou a Portugal e anunciou ao Infante Dom Henrique a ilha que tinha visto; este enviou embarcações ao local, sendo a Madeira finalmente descoberta por navegadores de Portugal em 1418.

 

Não sabemos onde acaba a ficção e começa a realidade nesta lenda de Machim e Ana D'Arfet, mas há aqui um facto muito claro - o nome de Machico, qualquer que tenha sido a sua origem, é invulgar na cultura portuguesa. Terá, portanto, tido uma origem incomum, e a hipótese de ter nascido por corrupção de algum nome estrangeiro, como o referido na lenda, é por isso válida. Não sabemos se completamente certa, é claro, mas pelo menos é uma hipótese credível e que poderá ser tido em conta por aqueles que buscam a causa desse estranho nome.

Gostas de mitos, lendas, livros pouco conhecidos e curiosidades? Podes receber as nossas publicações futuras por e-mail!