Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mitologia em Português

04 de Abril, 2019

Algumas questões colocadas ao Oráculo de Dodona

Hoje, decidimos trazer uma publicação um pouco diferente do que é habitual, apresentando algumas questões colocadas ao Oráculo de Dodona. Este recinto religioso já era conhecido nos tempos homéricos, mas hoje em dia é considerado secundário face ao de Delfos; porém, a ideia essencial por detrás de ambos é semelhante, eram ambos locais em que os crentes podiam fazer perguntas aos deuses e obter respostas divinas. Se em Delfos o deus consultado era Apolo, já no Oráculo de Dodona o grande interveniente era o pai de todos os deuses, Zeus, que supostamente revelava o futuro através dos movimentos da sua árvore sagrada, o carvalho.

O Oráculo de Dodona

Mas agora, por um breve momento, ponha-se uma pequena questão aos leitores. Se tivessem essa possibilidade de saber o futuro, que questões colocariam vocês aos deuses? Será que as vossas perguntas seriam diferentes das que foram efectivamente colocadas a Zeus no Oráculo de Dodona? Agora, poderão ver aqui cinco pequenos exemplos, provindos de uma edição de Dittenberger disponível gratuitamente online:

 

- Devemos emprestar dinheiro à pessoa X?

- Vou ter filhos desta pessoa? O filho que esta pessoa vai ter é meu?

- A que deus deve ser feito um sacrifício para os meus problemas de saúde serem resolvidos?

- Devo comprar aquela casa e terreno?

- Devo criar gado?

 

O que estes exemplos nos permitem constatar é que a curiosidade relativa ao futuro, que a humanidade teve e continua a ter, se prende com elementos estáveis da sua existência - questões monetárias, incertezas amorosas, problemas de saúde e outras decisões que têm um grande impacto nas nossas vidas. Talvez não sejamos assim tão diferentes dos Antigos Gregos...

Gostas de mitos, lendas, literatura ou curiosidades?
Recebe as nossas publicações futuras por e-mail - é gratuito e poderás aprender muitas coisas novas!