Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mitologia em Português

04 de Agosto, 2019

Como saber qual é a verdadeira?

A história de hoje começa com um convite pouco vulgar. Imaginem que chegam a casa e, em detrimento de lá encontrarem a vossa cara-metade, encontram duas pessoas iguais a ela. Como saber qual é a verdadeira? Claro que a ideia não é nova, ela já aparecia em romances de cavalaria da Idade Média e ainda hoje aparece em centenas de séries televisivas, mas qual é a melhor forma de saber distinguir a pessoa verdadeira de aquela que, por uma qualquer razão menos explícita, lhe copiou a forma física?

Como saber qual é a verdadeira?

Uma lenda provinda do Japão levanta esta mesma questão. Um dia, um homem, cujo nome já há muito foi esquecido, voltou a casa depois de um dia de trabalho e encontrou por lá duas cópias da sua esposa. Ele, conhecendo bem a cultura em que se inseria, depressa se apercebeu que uma delas tinha de ser uma kitsune, uma raposa mágica que copiou a forma da mulher que ele amava, mas como descobrir qual das duas era a verdadeira? Foi tentando uma e outra opção, mas durante semanas não conseguiu descobrir a resposta que procurava. Até que um dia, feliz ou infelizmente, notou que uma delas comia com as mãos em vez de utilizar pauzinhos. Face a essa divergência, e sabendo que a esposa era uma mulher muito educada (i.e. que jamais comeria com as mãos), atacou essa figura e viu-a transformar-se muito rapidamente numa raposa - e o animal fugiu do local, para nunca mais ser visto!

 

A resposta encontrada por este japonês anónimo faz um certo sentido, assemelhando-se até a diversas soluções encontradas nas muitas séries de televisão dos nossos dias, mas voltando à questão inicial, se isto vos acontecesse como é que saberiam distinguir a pessoa verdadeira da falsa? Aceitamos opiniões e sugestões para a resolução do famoso problema...

Gostas de mitos, lendas, literatura ou curiosidades?
Recebe as nossas publicações futuras por e-mail - é gratuito e poderás aprender muitas coisas novas!