Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mitologia em Português

Mitologia em Português

O mito de Apolo e Dafne

08.08.19

São muitos os atributos associados aos deuses da Antiguidade Clássica - Zeus tinha o seu relâmpago, Poseidon um tridente, Eros carregava consigo sempre o famoso arco e flechas que causavam o amor, e daí por diante. Nesse contexto, são vários os mitos que explicam os seus atributos individuais, e este é um deles - o mito de Apolo e Dafne explica uma famosa relação entre o deus de Delfos e uma árvore, o loureiro.

Apolo e Dafne, a segunda em plena transformação

Conta-nos então este mito que numa dada altura o deus Cupido se zangou com Apolo. Procurando vingar-se, atirou-lhe uma flecha que lhe causou a mais intensa paixão por uma ninfa chamada Dafne. Não contente com apenas esse acto, em seguida atirou uma outra flecha a Dafne, mas com um objectivo totalmente contrário, fazendo-a sentir a maior repulsa possível por Apolo.

Durante dias Apolo procurou os amores de Dafne, enquanto que Dafne fugiu sem cessar dos braços de Apolo. Mas depois, fruto de uma breve desatenção da ninfa, o deus finalmente conseguiu tocá-la. Nesse momento, no maior dos terrores que uma mulher perseguida por um homem pode sentir, Dafne invocou a ajuda do seu próprio pai, o deus-rio Peneu, e foi transformada num loureiro, cujo belíssimo instante até pode ser visto na belíssima estátua de Bernini acima.

 

Só depois é que Apolo se apercebeu do que tinha causado. Triste, mas igualmente incapaz de corrigir o erro a que a vingança de Cupido o tinha conduzido, o deus tomou então o loureiro para um dos seus símbolos, como Zeus tinha o carvalho ou Atena a oliveira...

~~~~~~~
Gostas destes temas? Recebe-os no teu e-mail, de uma forma simples e totalmente gratuita:

Mais para ler