Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mitologia em Português

Mitologia em Português

25 de Junho, 2020

O mito de Susanoo e Orochi

O mito de hoje, o de Susanoo e Orochi, é um bom exemplo nipónico de um tema frequente na cultura ocidental, nomeadamente o dos mitos e lendas de heróis que combatem contra grandes serpentes, vulgo dragões.

Uma belíssima imagem de Susanoo em batalha contra Orochi

Nas suas viagens, Susanoo, deus japonês do mar, encontrou um casal que tinha oito filhas, sete das quais já tinham sido devoradas por um enorme dragão. Só restava "Kushinadahime", a mais nova e mais bela. Sentido imensa pena do casal e da sua filha, ofereceu-se para os ajudar a todos, só pedindo em troca a mão dessa bela princesa chamada Inada, um pedido que os pais gentilmente lhe concederam.

Mas como derrotar Orochi, um dragão enormíssimo, com oito cabeças e oito caudas? O deus decidiu pegar em todo o saké que conseguiu encontrar e depositá-lo em oito barricas no interior de oito portas distintas. Atraído pelo cheiro da bebida, a monstruosa criatura fez passar cada um dos seus pescoços pelas portas, bebeu tanto quanto podia e, depois, completamente bêbada, adormeceu. Então, aproveitando a oportunidade, Susanoo atacou Orochi e cortou-o em mil pedaços.

Seria o fim da história? Ainda não - enquanto tentava cortar uma das caudas do monstro, o deus partiu a sua espada. Então, procurando uma nova arma, no interior de uma das caudas encontrou a lendária espada Kusanagi, um dos tesouros sagrados do Japão, com que destruiu completamente o seu opositor, e que posteriormente viria a oferecer à deusa Amaterasu. E, depois, casou com Inada.

 

Não fossem os "estranhos" nomes e esta até poderia ser uma história como tantas outras, desde a de Perseu e São Jorge até às lendas medievais do Rei Artur e de incontáveis cavaleiros andantes, demonstrando que os mitos e lendas dos heróis e dos dragões até têm um carácter muito horizontal por todo o globo. Se, nesta história, os nomes originais foram reduzidos à sua forma mais simples - por exemplo, Kushinadahime significa algo como "a bela princesa Inada", a espada Kusanagi também é a Kusanagi-no-tsurugi, enquanto que os opositores no mito podem ser chamados Susanoo-no-Mikoto e Yamata-no-Orochi - fora esse elemento é fácil perceber que esta até podia ser uma história europeia, mas que antecede em muito a chegada dos europeus ao Japão... talvez não sejamos tão diferentes assim, independentemente de onde nascemos ou vivemos?!

~~~~~~~
Gostas de temas como este? Podes seguir-nos no Twitter, no Facebook (novo), ou receber as nossas novidades no teu e-mail de uma forma simples, rápida e gratuita!