Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mitologia em Português

14 de Fevereiro, 2016

A origem e significado da "alma gémea" (e o seu mito)

A origem e significado da alma gémea, enquanto uma expressão ligada ao tema do amor, é um tema interessante, porque também tem uma face muito significativa de que raramente ouvimos falar, e que até nos pode, e deve, demonstrar que todo o conceito é muito menos verdadeiro e digno de crédito do que nos pode soar.

A origem da alma gémea?

A origem da alma gémea é uma lenda, ou mito, que vem do Simpósio de Platão. Nessa obra, e como já contámos cá em parte anteriormente, diversas figuras discursam sobre o tema do amor. Entre elas conta-se Aristófanes, que conta um mito em que os seres humanos, originalmente, eram compostos por um único corpo com ambos os sexos. Depois, os deuses decidiram separá-los em duas formas, em dois géneros diferentes, e então essas duas partes daquele que era originalmente um só ser estavam como que condenadas a procurar a sua outra metade até a encontrarem, altura em que eram levadas à maior das felicidades.

 

É essa a origem e significado da expressão alma gémea, mas contar esta história raramente é complementado com alguns elementos que lhe dão um tom bem diferente. Recorde-se então que Aristófanes era um autor de comédias, de pequenas peças de teatro com temas jocosos e apresentadas para se rir, o que só por si dá a entender que esta ideia, apesar de muito romântica, é meramente ficcional e deve ser tomada como uma mera brincadeira - e nada mais! O facto de quem contou a história na obra platónica estar parcialmente bêbado quando o faz é, ainda mais, uma grande prova nessa mesma direcção. E que tal o facto de ela ser recebida pelos demais participantes do simpósio com muita risota?

 

Então, será que a alma gémea existe mesmo? Não mais que Hipalectrion ou os Centauros, figuras ficcionais que caracterizam muitas das histórias - meras histórias, relembre-se - da Antiguidade. E é perigoso vê-las como algo mais que isso, porque demasiadas vezes implica tomar por verdadeiro algo que claramente não o é.

Gostas de mitos, lendas, literatura, e muitas curiosidades?
Recebe as nossas publicações futuras por e-mail - é fácil, gratuito, e poderás aprender muitas coisas novas!