Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mitologia em Português

10 de Julho, 2018

Sobre o filme "Gods of Egypt"

Há algumas semanas passou na televisão portuguesa o filme Gods of Egypt, datado de 2016. Em versão nacional tem o previsível título de Deuses do Egipto, e basta esse nome para sugerir que se poderá tratar de uma produção cinematográfica sobre a Mitologia Egípcia. O que até poderia ser interessante, visto não existirem muitos grandes filmes sobre este tema, mas... infelizmente, essa ausência não é propriamente colmatada aqui, já que o título sugere uma coisa mas a trama, depois, tem para nos apresentar algo significativamente diferente.

O filme Gods of Egypt

Gods of Egypt é, na realidade, um filme que se baseia nos mitos do Antigo Egipto, mas de uma forma muitíssimo vaga, ao ponto de ser possível perceber na trama a brevíssima influência de diversas histórias distintas - a Esfinge, a Pesagem das Almas, o mito de Apófis, a morte de Hórus, etc. - mas que vão sendo deixadas sempre incompletas e quase irreconhecíveis para a audiência. É como se alguém tivesse decidido fazer um filme de acção situado no Antigo Egipto, e depois um seu companheiro decidisse polvilhar influências mitológicas aqui e ali, mas sem qualquer explicação real para o seu aparecimento. Pior - a trama move-se repetidamente através de conveniências, de meros acasos, que lá vão ajudando, ou desajudando, as personagens ao sabor de coincidências. E em dada altura chega-se ao ridículo da morte de uma das personagens essenciais à trama ser tratada com a ligeireza de quem come uma maçã, sem sequer algumas lágrimas ou um grito de dor mais pronunciado.

 

O único ponto minimamente interessante do filme Gods of Egypt talvez seja a sua cenografia. É quase toda ela gerada por computador, com algumas sequências melhor conseguidas do que outras, mas remetem mesmo o público para um ambiente inspirado no Antigo Egipto, sendo este ambiente reutilizado ocasionalmente em favor da própria trama, como quando uma das personagens principais sobe um obelisco apoiando-se nos espaços dos vários hieróglifos aí gravados. Todo o ambiente até dá um certo prazer aos olhos, mas isso não colmata, na verdade, o problema do resto do filme nos parecer muito mal construído.

 

Vale, então, a pena ver este filme Gods of Egypt? Talvez possamos resumir a resposta com as seguintes palavras - se, como no nosso caso, ele estiver a dar na televisão e não tiverem mesmo mais nada para ver ou fazer, dêem-lhe uma olhadela, e não se esqueçam que podem sempre mudar de canal se se fartarem do que ele tem para vos oferecer...

Gostas de mitos, lendas, livros antigos e muitas curiosidades?
Recebe as nossas publicações futuras por e-mail - é grátis e irás aprender muitas coisas novas!