Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mitologia em Português

Mitologia em Português

03 de Maio, 2017

O que significa o símbolo do peixe representado na traseira de muitos carros?

O seguinte símbolo em forma de peixe pode, hoje em dia, ser encontrado em muitos carros:

Símbolo do Peixe

Claro que representa um pequeno peixe, como é evidente, mas qual o seu verdadeiro significado? Não temos a certeza se todos aqueles que o usam ainda o fazem pela mesma razão, mas originalmente este símbolo era usado para que os verdadeiros cristãos se reconhecessem uns aos outros. Diz a história que um dos crentes desenhava metade do peixe e se um outro fosse capaz de completar o desenho seria, também ele, um cristão oculto num tempo de perseguição.

 

Mas porquê um peixe e não uma âncora, uma cruz, ou um qualquer outro símbolo? A resposta não é óbvia, mas provém da palavra grega para peixe - ichtys. Tratava-se de um acróstico que, convenientemente, demonstrava a crença do verdadeiro verdadeiro cristão num Iesous Christos, Theou Yios, Soter (que é como quem diz "Jesus Cristo, Filho de Deus, Salvador").

 

Assim se explica este curioso fenómeno cultural, mas deixamos uma pequena questão - se tiverem um emblema destes no vosso carro, porque razão o usam? Conheciam esta história, ou usam-no por uma razão totalmente distinta? Agradeçemos, como sempre, qualquer participação!

 

[Esta informação foi adicionada posteriormente:]

Há algumas semanas escrevemos algumas linhas sobre o peixe que pode ser visto representado na traseira de muitos carros. Nessa sequência, um leitor brasileiro deixou-nos um comentário em que dizia que esse símbolo era muito associado à Igreja Metodista. Foram eles que nos passaram a seguinte informação:

 

"O uso do símbolo do peixe nos carros vem de tradição evangélica e é uma forma de afirmar que os seus proprietários são cristãos.
O peixe é um dos símbolos do cristianismo uma vez que muitos dos discípulos de Jesus eram pescadores e Jesus os desafiou a serem pescadores de homens.
O uso deste símbolo é informal no sentido que apenas o usa quem quer não havendo qualquer indicação por parte das Igrejas Evangélicas para o seu uso.
Espero que tenhamos ajudado."

 

Ajudaram sim, e aqui fica o nosso obrigado! Este parece, portanto, ser um daqueles casos em que uma tradição vai sendo reinterpretada ao longo dos séculos, perdendo-se parte da sua simbologia original.

~~~~~~~
Gostas de temas como este? Podes seguir-nos no Twitter, no Facebook (novo), ou receber as nossas novidades no teu e-mail de uma forma simples, rápida e gratuita!



4 comentários

Comentar post